quinta-feira, outubro 09, 2008

Enfim...

Este episódio passou-se ontem. Fui assolado por uma branca descomunal. Ia eu, caminhando tranquilamente, quando avistei uma pessoa conhecida mas, por mais que puxasse pela cabeça, não me lembrei do seu nome. Situação no mínimo embaraçosa. A criatura aproximava-se e eu nada! Desenvolvi, durante anos, diversas técnicas para evitar contactos indesejáveis: atender uma chamada fictícia, apertar os atacadores, olhar para o relógio, mudar de passeio, olhar em frente e acelerar o passo. Não me restou outra alternativa e tive mesmo de mudar de passeio… Com a cabeça em ebulição, não descansei enquanto não me lembrei do nome. De repente, fez-se luz! Foi um alívio. Se voltar a cruzar-me com esta pessoa, faço questão de chamá-la pelo nome em alta e boa voz!



5 comentários:

1entre1000's disse...

e deves fazer ISSO mesmo!

Custódia C.C. disse...

Podias falar-lhe mesmo sem dizer o nome dela :):)

Suzi disse...

Por isso aqui funciona tão bem o: "Cara!!!" (seja homem ou mulher, nem precisas te dar ao trabalho de identificar o sexo; basta chamar de "Cara!!!")

:o))

p.s.
podes me ensinar a técnica do "apertar os atacadores"???
o que são "atacadores", afinal???

Luís F. disse...

Suzi: Atacadores são aqueles fios que existem nos sapatos para apertá-los… :)

Capitão Gancho disse...

Para a próxima vez que passar por ti e fizeres essa cara de tolo e não me falares, vais ver o que te espera...

Era eu, era eu, era eu...