segunda-feira, novembro 16, 2009

Revivalismos auditivos

Fui ver uma das minhas bandas de culto dos anos 80/90. Os Depeche Mode. Cheiinho que nem um ovo, o Pavilhão Atlântico quase rebentou pelas costuras. Admito que vibrei com os velhos temas e aborreci-me com os mais recentes. Pouco interactivos com o público, fizeram o seu trabalho e foram à vidinha deles. Mesmo assim o saldo foi francamente positivo. É que não há maneira de resistir a temas como: Walking In My Shoes, A Question Of Time, Policy Of Truth, I Feel You, Enjoy The Silence, Never Let Me Down Again, Behind the Wheel ou Personal Jesus… E entrar no coro com milhares de pessoas também é muito giro!

4 comentários:

Suzi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Suzi disse...

Lembro de um amigo que, tendo ido ver um show do Caetano Veloso voltou assim, com o mesmo aborrecimento. O cara chega, cantar o que quer, e vai-se embora...

Ouvir em casa só não é melhor porque falta, justamente, a emoção de estar lá, formando uma plateia que, independentemente do descaso dos artistas, está lá pra fazer a diferença!
E, assim, o saldo fica positivo.

triss disse...

Eu vi o concerto anterior "Playing the Angel", tambem no pavilhao atlantico, foi absolutamente brutal! Ate comprei o dvd para ir matando saudades:-)

Custódia C.C. disse...

Sou fã de grandes concertos .. mas por vezes sai alguma decepção lá isso é :)